domingo, 12 de agosto de 2007

Geocaching 1 - Mamoas de Fulom (Junqueira)

Geocaching é um desporto de ar livre que envolve a utilização de um receptor de GPS ("Sistema de Posicionamento Global") para encontrar uma "geocache" (ou simplesmente "cache") colocada em qualquer local do mundo. Uma cache típica é uma pequena caixa (ou tupperware), fechada e à prova de água que contém um livro de registo e alguns objectos, como canetas, afia-lápis, moedas ou bonecos para troca. http://pt.wikipedia.org/wiki/Geocaching
O nosso GPS. Portatil e eficaz.
O Geocaching é uma jogo mundial que associa o gosto pela descoberta e partilha de locais com o gosto pela natureza e prática do desporto.


Na tentativa de encontrar novos locais e trilhos começamos por experimentar o geocaching mais proximo de nós, mas precisamente na nossa freguesia, junto às mamoas do Fulom.
Esta cache foi colocada em 11 de Fevereiro de 2007 pelo membro Eniel e os textos abaixo apresentados foram retirados da cache em www.geocaching.com.
Uma Mamoa (ou Mamua ou tumulus) é um monumento funerário constituído por um montículo artificial de terra, revestido por uma couraça de pequenas pedras imbricadas, que cobre a câmara dolménica. As Mamoas apresentam, geralmente, uma forma oval ou circular. Eram edificadas com pedra e areia e tinham a finalidade de proteger o Dólmen, cobrindo-o completamente. A sua estrutura podia atingir os 40 metros e tapava completamente a câmara e o corredor, quando este existia. As couraças de revestimento das Mamoas, que possivelmente ainda seriam visíveis na altura da construção, acabariam por ficar mais ou menos revestidas por vegetação algum tempo depois. Estas elevações correspondem a uma cultura muito antiga, com cerca de 5000 anos, espalhada por toda a Europa e parte da Ásia, a que se chama Cultura Megalítica (de Mega = grande e Lithos = pedra) devido às grandes pedras que constituem o Dólmen. Alguns autores associam esta elevação a uma "gravidez" da terra, logo a um culto à Mãe Terra.
As Mamoas do Fulom estão localizadas na freguesia de S. Simão da Junqueira. São dois túmulos, descobertos por Francisco Martins Sarmento no final do séc. XIX, bastante destruídos no séc. XX, mas que preservam a essência do monumento que é a elevação exterior. A destruição dos Dólmenes provocou a perda de informação sobre os períodos em que os túmulos foram utilizados. Todavia, sabemos por outros exemplos que terão sido usados em diversas épocas, ao longo de mais de 2000 anos. No seu interior os mortos eram sepultados com materiais destinados a garantir um mínimo de continuidade do seu estatuto numa vida para além da morte. Os corpos encontrados (em regiões de solos alcalinos) aparecem muitas vezes em posição fetal, o que reforça a ideia de um culto à Mãe Terra. O Dólmen seria o útero de pedra onde o morto encontraria o repouso do retorno à sua mãe grávida.Cache: [GC10WZ9]. A nossa primeira cache de muitas. Marco e Carlos nas Mamoas do Fulom. Parabéns ao autor pela colocação da mesma. Geocahing e BTT é uma combinação perfeita.
A nossa descoberta.

2 comentários:

Carlos Baptista disse...

O meu "baptismo" no geocaching está feito, foi a 12 de Agosto de 2007 na nossa freguesia, número de código: GC10WZ9 - Mamoas do Fulom.
Pessoal é um excelente complemento à actividade do BTT ou ao pedestrianismo.
Há um imenso mundo por descobrir. Para os mais curiosos façam uma pesquisa no google sobre "Geocaching".

PanteraÁgil disse...

Encontrei esta blog por acaso. Sou o autor da cache das Mamoas de Fulom. Sou conhecido no meio por "eniel". Obrigado pela reportagem e divulgação do passatempo.
Abraço.